Receita: Lasanha à Bolonhesa

Adoro massa, verdade que em pouco mais de 2 anos de QVinho publicamos apenas duas receitas – o papardelle ai porri e o spaghetti alle vongole – mas pretendemos começar a corrigir esse lapso. O problema é que somos muito seletivos, gostamos de compartilhar apenas receitas testadas e comprovadas. Com isso deixamos os nossos leitores com água na boca, sempre na espera da próxima.

A lasanha à bolonhesa é um clássico nas mesas brasileiras, tão popular que caiu na total vulgaridade. Prato de churrascaria barata, de restaurante por quilo, desprezada em restaurantes caros. Uma pena, a verdade é que a lasanha é um prato saboroso e relativamente fácil de fazer (apesar de trabalhosa), e além de tudo possui um incrível poder de reunir as pessoas.

Lasanha à Bolonhesa

Lasanha à Bolonhesa

Uma boa lasanha requer massa caseira e um ragù feito com esmero. Ragù é o nome italiano para qualquer tipo de molho que contenha carne, geralmente com outros inúmeros ingredientes. Obviamente, o ragù bolognese é um dos mais famosos, possui até uma receita oficial. A nossa versão é ligeiramente diferente, porém igualmente bolognese.Vale lembrar que o ragù bolognese é bem diferente da carne-moída sem graça – chamada de “molho à bolonhesa” – servida em restaurantes de todos o Brasil. Além do ragù, a vera lasagna bolognese pede também o molho béchamel, um tipo de molho branco que usa farinha cozida na manteiga. O segredo desse prato está na qualidade dos ingredientes, além do cuidado no preparo. É fundamental ter uma boa polpa de tomate, carne de primeira e seguir passo-a-passo a preparação do ragù.

Lasanha à bolonhesa é um prato bastante calórico e nutritivo, portanto pode ser servida apenas com uma salada e nada mais. Ideal para aqueles almoços dominicais em família, onde é necessário preparar grandes quantidades e, invariavelmente, com certa antecedência.

Receita e ingredientes da Lasanha à Bolonhesa (5 pessoas):

Massa:

  • 3 Ovos inteiros;
  • 300g de farinha de trigo;
  • 300g de semolina de trigo.

Ragù:

  • 3 colheres de sopa de azeite de oliva;
  • 50g de manteiga;
  • 1 Cebola grande picada;
  • 1 Cebola média cravejada com 6 cravos;
  • 2 Dentes de alho triturados;
  • 1 Cenoura média picada;
  • 1 Talo de salsão (aipo) picado;
  • Polpa de 1kg de tomate rasteiro;
  • 250g de carne bovina moída;
  • 250g de carne suína moída;
  • 100g de toucinho picado;
  • 100g de presunto cru;
  • 100ml de vinho tinto seco;
  • 300ml de caldo de legumes.

Molho Béchamel:

  • 50g de farinha de trigo;
  • 50g de manteiga;
  • 500ml de leite;
  • Noz-moscada;
  • Sal.

Modo de preparo

Massa: Misture bem os dois tipos de farinha e disponha num recipiente que permita uma boa manipulação. Faça uma “montanha” com a farinha, depois despeje os ovos para formar um “vulcão”. Misture lentamente a partir do centro do vulcão. Amasse bem a até ter uma massa lisa e homogênea. Divida a massa em pedaços de tamanho adequado ao cilindro. Estique a massa no cilindro até obter uma espessura fina, por fim corte em retângulos de 15×9 cm. Cozinhe os pedaços de massa em água fervente por 5 minutos.

Ragù: Em uma panela coloque o azeite e a manteiga, em seguida refogue bem a cebola, o alho, a cenoura, o salsão e o toucinho. Depois que o toucinho já estiver frito, adicione as carnes moídas e o presunto crú; misture bem e não pare de mexer até fritar bem as carnes. Após essa fritada inicial, adicione o copo de vinho e continue mexendo até evaporar. Na sequência incorpore o molho de tomate, metade do caldo de legumes, a cebola com os cravos, sal e pimenta a gosto. Cozinhe por pelo menos 2 horas, se for necessário vá adicionando a outra parte do caldo de legumes para ajustar a consistência.

Molho Béchamel: Use uma frigideira alta de inóx para derreter a manteiga, retire do fogo por um momento para misturar a farinha, mexa bem para deixar homogêneo, retornando ao fogo para terminar de refogar. Mexa continuamente, sem deixar a mistura pegar muita cor, então retire do fogo novamente e misture o leite quente. Após incorporar todo o leite, retorne ao fogo para cozinhar em fogo baixo. Nesse ponto adicione uma pitada de sal e de noz-moscada, cubra a frigideira e cozinhe por uns 10 minutos, mexendo eventualmente, até ganhar a consistência de creme.

Montagem: Forre uma travessa retangular com um pouco do ragù adicionando a massa por cima. Depois faça uma camada com o molho béchamel, outra com ragù e queijo parmesão ralado (tipo grana padano) e finalize com outra camada de massa. Faça quantas camadas quiser, seguindo a mesma sequência, terminando com uma camada de ragù e parmesão ralado. Leve ao forno já pré-aquecido a 180°C para gratinar. A lasanha estará pronta entre 20 e 40 minutos (depende do forno).

Vinho recomendado: Vale da Clara 2006

Vale da Clara 2006 - Douro produzido pela Quinta de la Rosa

Vale da Clara 2006

A lasanha à bolonhesa é um prato bastante rico em sabores e gordura, por isso pede um tinto com acidez marcante. A escolha natural seria um italiano da variedade sangiovese, como um Chianti, mas existem substitutos à altura por um preço melhor. Tintos portugueses do Dão e da Bairrada costumam ter boa acidez natural, assim como um merlot da Serra Gaúcha de boa safra. Acompanhamos com um Douro Vale da Clara 2006, um versátil e agradável tinto produzido pela Quinta de la Rosa, um nome de destaque na sub-região do Cima Corgo. O Vale da Clara apresentou aromas de frutas vermelhas com nuances florais, não é exuberante, mas convence. Na boca tem corpo médio, bom equilíbrio e acidez na medida certa. A lasanha ficou ainda mais deliciosa na companhia deste vinho, provando que nem sempre os rótulos mais caros são os que oferecem a melhor experiência gastronômica.

Excelente
Um tinto leve e bem feito. Vai muito bem com comida, mostrou-se como uma excelente companhia para a lasanha.

Grad. Alcoólica: 13,5%
Preço: R$38
Importadora: Expand

  • Eduarda Silva

    A lasanha ficou maravilhosa. Conheço pessoalmente a Quinta de la Rosa, vinho do Douro é sempre uma delicia. Mas como estamos no Brasil, concordo plenamente com um vinho brasileiros. Testei e aprovei. :) .

  • Wilton

    por ser um prato familial a lazanha tem os ingredientes basicos o que permite de obter receitas personalizadas (carne, salmao,legumes…) e porque nao um toque com cravos :) ).Prato simples onde o sucesso de uma lazanha esta na inspiracao de cada um. Quanto ao vinho nao concordo totalment com a Marli. Um bordeaux com a lazanha, com certeza na é um grand cru ;) . Marli deve se referir aos cotes de blaye, cotes de bourg, bordeaux superieur et outros. Em todo caso um bom vinho brasileiro sera um bom acompanhamento para esta receita. Bom apetite.

  • VANILDE

    alguem já fez e esperimentou esta lazanha? hum parece boa né

  • Sueli

    Metida esta Marli…
    Tem muitos vinhos brasileiros excelentes e não é porque ela considera ”POBRES” que não se deva beber.
    putzzz

  • MARLI JULIAO

    Esta lasanha nao é das melhores, pois os italianos nao colocam cravo no molho, e alem do mais este vinho é muito pobre,
    creio que nao conhecem os vinhos franceses que sao os melhores do mundo experimente um BORDEAUX isto sim é vinho de acompanhar pratos como este!

    sou mineira e moro em paris e cozinho para franceses e italianos entao vamos respeitar nao?

    • Roberta

      NÃO!!!

      MULA METIDA A FRANCESA… RESPEITE VC A OPINIÃO ALHEIA… PARA QUE ENTRAR NO SITE DOS OUTROS, LER O POST INTEIRO E DEPOIS FALAR MAL??!!… MELHOR ENFIAR A FUÇA EM SUAS PANELAS FRANCESAS E CALAR BEM O BIQUINHO!!!

      SANTÉ POUR TOUS … SALUTE PER TUTTI …

    • Mayara

      Ola Marli,

      Eu confesso que nao concorde inteiramente com voce. Os vinhos Franceses sao muito bons, mais nos ultimos anos os vinhos Californianos ganharam #1 do mundo. Tambem existem vinhos Brasileiros, Argentinos, e Chilenos de grande qualidade.

      Com relacao a receita, parece ser muito boa. Eu nunca fiz lazanha que levasse um molho Bechamel aparte. mais tentarei hoje denoite.

      P.s.: minha menssagem nao tem pontuacao porque estou nos USA e a lingua inglesa nao usam, entao o system nao reconhece :)

  • Rinaldo

    lasanha deliciosa

  • http://yokutxa.blogspot.com Yokutxa

    Humm…a descrição e a foto são tudo. Essa vai para a minha lista de receitas de Domingo com certeza e vou testar já esse domingo.

  • rose

    Parece deliciosa. vou tentar.

  • Pingback: Vinhos bons e baratos – até R$40

  • garciela ostrowski

    fiquei com agua na boca agora!….bjos e abraços

  • tarcisio

    que delicia deu àgua na boca so de ler

  • http://7477hfxt hirco

    amei a lasanha q eu fiz com essa receita!

  • Clara

    Hum…concordo com o Guilherme… Fome!!!

    Boa ideia para o dia dos pais.

  • Marta

    Gostei! Essa lasanha é uma ótima opção para o dia dos pais. Vou fazer!!! Depois eu conto se acertei. Abraços e obrigada pela dica.

  • http://www.umpaposobrevinhos.com.br Guilherme Lopes Mair

    Caro Jomar,

    Deu fome só de ler!!!

    Um abraço,