Benjamin Nieto Senetiner Chardonnay 2006

Vinho Branco Benjamin Nieto Senetiner Chardonnay 2006Nesses tempos de dólar baixo é possível encontrar brancos interessantes, nem sempre de boa concentração, mas a preços módicos. Esses vinhos acompanham bem frutos do mar e outros pratos leves, sem emprego de muitos temperos. Vinhos argentinos de baixo custo, e honestos, são encontrados em todas as lojas e supermercados, mas também existem boas opções do Chile e da Serra Gaúcha. A série Benjamin Nieto Senetiner é a mais simples dessa centenária bodega de Mendoza, que produz alguns vinhos de prestígio, como o Don Nicanor e o afamado Cadus. O Benjamin Chardonnay 2006 mostrou cor amarelo pálido, com reflexos prateados e lágrimas pouco persistentes. Nariz difuso, lembrando frutas brancas e leve toque de carvalho. Corpo médio e acidez controlada. Final curto com razoável untuosidade. Esse Chardonnay seria mais interessante se tivesse mais acidez e oferecesse mais frescor. Aqui o Rodas 12 Chardonnay saiu ganhando.

Fraco
Branco leve e um pouco diluído. Cumpre a sua função acompanhando peixe grelhado de carne suave.
Grad. Alcoólica: 13%
Preço: R$13
Importadora: Porto a Porto / Casa Flora

  • http://www.qvinho.com.br Jomar

    Tomaz, não degustei a safra 2007 deste vinho, porém provei vários outros brancos argentino recentemente. A maioria dos vinhos básicos, caso desse Nieto Senetiner, deixam a desejar em intensidade e concentração. Prefiro aqueles de Torrontés porque conseguem oferecer maior intensidade e personalidade.

  • Tomaz Robinson

    Este vinho bebi em 20/03/2008, prém a safra 2007, meu comentário:
    Muito bom, aroma de fruta bem pronunciado,
    amanteigado, com cor muito caracteristica
    Acompanhou bem bacalhau com pure de batatas
    Será pela diferença de safra?

  • Benjamin Neto

    Nunca bebi mas tem o meu nome então deve ser perfeito igual a mim!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • http://vinhoecia.blogspot.com Roberson

    Esse vinho é fraquíssimo. Aromas tímidos, insípido, carente de acidez. TAlvez salve o rótulo, discreto e elegante. Mas o rótulo a gente não bebe… Corram dele.

  • Angela Mormul

    Concordo com a avaliação de vocês. Esse chardonnay é fraco se comparado a muitos outros da mesma varietal. Não tem personalidade.

  • Camila

    Parabéns pelo site!
    Apenas uma correção, esse vinho é importado pela Casa Flora / Porto a Porto.

    Um abraço

  • http://www.qvinho.com.br Jackson

    Caro Alessandro,

    Procuramos priorizar a degustação de vinhos tintos e de destilados como o Cognac em função de serem bebidas mais adequadas para esses dias mais frios do inverno. Porém, já estão programadas degustações de excelentes brancos e espumantes, que certamente irão agradar todos os nossos leitores. Continue acompanhando o QVinho.

    Abraço,

    Jackson Brustolin

  • Allessandro Ribas

    Boa a iniciativa de criar um blog de vinhos, muitas pessoas leigas (como eu) podem obter informações interessantes e adquirir conhecimentos mínimos necessários para poder apreciar um bom vinho.
    Provei o chardonnay B. Nieto e achei um bom vinho.Gostaria de outras dicas de vinhos brancos.