Degustação às cegas: Gewürztraminer

Painel Gewurztraminer

Não há como negar, para o consumidor moderno, a busca por um caráter varietal prontamente identificável tem sido sinônimo de segurança e satisfação. Ou seja, independentemente da região, quando o consumidor escolhe um rótulo com determinada varietal, ele espera encontrar aromas e sabores já conhecidos e aprovados. Nesse cenário a influência americana, não apenas na […]

Degustação às cegas: Vinhos rosés

Vinhos rosé

Aproveitando o assunto do momento iniciamos janeiro com uma interessante degustação de vinhos rosés. Tudo a ver com o nosso verão. Principalmente quando, descompromissadamente, pensamos em beber um vinho com os amigos; acompanhar pratos leves num almoço, ou servir apenas como um aperitivo. Os rosés são obtidos a partir de uma maceração atenuada de uvas […]

Degustação às cegas: A Syrah do Novo Mundo

A uva Syrah, ou Shiraz

Se existe uma variedade de uva de personalidade forte, luxuriante e selvagem, essa variedade é a Syrah. Mesmo que alguns não gostem desse caráter incisivo, preferindo algo mais ameno e tranqüilo, é difícil não ficar seduzido pelos aromas intensos, diretos e exóticos de um bom Syrah. Acredito que a sutileza não seja um traço marcante […]

Degustação às cegas: Bordeaux, Chile e Argentina

Degustação as cegas: Chapelle de Potensac 2004 - Médoc, Nieto Senetiner Don Nicanor Blend e Marques de Casa Concha

Como diriam muitos especialistas, as degustações às cegas costumam derrubar até mesmo degustadores muito experientes. Claro, não foi o caso dessa avaliação em especial. Principalmente porque a pauta e os rótulos já eram conhecidos: Chapelle de Potensac 2004 (Bordeaux), Marques de Casa Concha (Chile) e Don Nicanor (Argentina). Ou seja, uma degustação às cegas ma […]